Passeios e viagens

Rota do Vinho em São Roque

Hi, guys!
Que tal uma dica de passeio super legal e baratinho próximo à capital de SP? São Roque é uma pequena cidade lindíssima, cuja viagem pode ser feita de carro, levando em torno de 1h30, ou de ônibus, saindo da Barra Funda, e a passagem custa em torno de R$ 22,00.

No nosso passeio, preferimos ir com uma agência de viagens, isso porque não conhecíamos a cidade ainda e teríamos um pouco mais de conforto para aproveitar a rota do vinho 🍷, visto que é um pouco mais complicado para fazer de transporte público.

Roteiro do Vinho – São Roque (SP)

O roteiro do vinho durou um dia inteiro e foi bem gostosinho o passeio, então vou dividir com vocês os principais lugares que conhecemos.

Foto: Dayanne Dinisio | Vila Don Patto

🍷 Vila Don Patto

A Vila Don Pato, em São Roque, é famosa pelos guarda-chuvinhas coloridos espalhados pelo local. O espaço é enorme e conta com restaurante, café, sorveteria, lojinhas e a adega. O ambiente possui muitos lugares bem fotografáveis e é uma delicinha.

🍷 Adega Quinta do Olivardo

Muito conhecida em São Roque por sua tirolesa e os animais que habitam o local. Na Quinta é possível ver uma vaquinha, cavalinho, coelho, perus, galinhas da Angola dentre outros bichinhos. O lugar também possui a adega, restaurantes, lojinhas e até uma capelinha. Além disso, é possível tirar umas fotinhas em um corredor com guarda-chuvas verdinhos.

🍷 Vinícola Góes/Licores Giullians

Guys, essa é a um dos locais mais conhecidos e antigos da cidade (de acordo com a nossa guia, a Vinícola é a única que todos os vinhos têm produção própria – desde a plantação – legal, né?!).

Não conseguimos entrar na adega por motivos de: lotação e estávamos mortinhos. Mas, o ambiente possui vários lugares bem legais, como café, chocolatería, lojinha com várias tranqueirinhas que a gente ama comprar de recordação e todo um espaço para andar, tirar umas fotinhas e curtir.

Além disso, é bem pertinho da linha de trem (carga) que corta a cidade e vimos ele passando. Legal, né?! Sim, ficamos empolgados.

🍷 Vinhos XV de Novembro

Um dos lugares mais “out” que entramos em São Roque. O espaço é pequeno, não há muito o que conhecer além da adega, que é composta por um grande balcão (lembrando alguns bares do interior). Mas, de acordo com a guia, o Vinho Bordô da  XV de Novembro foi eleito um dos melhores da região, então vale a visitinha (e, com toda certeza, a degustação).

🍷 Monte Carlo

Eu, particularmente, fiquei apaixonada pelo interior dessa adega. É muito organizada e bem lindinha, com mesas e cadeiras da cor bordô. Além disso, a degustação também vale a pena.

Foto: Dayanne Dinisio | São Roque – SP

Outros detalhes e percepções sobre São Roque

Tomamos café da manhã numa padaria chamada Colonial, bem próxima à Rodoviária, no centro da cidade. O modelo de refeição dessa padaria é super diferente (eu, particularmente adorei e achei que o Mi teria um ‘pirepaque’ de tanto comer). Basicamente, pagamos em torno de R$ 15,00 (por pessoa) e comemos a vontade (tinha várias opções bem gostosinhas de pães, bolos, sucos e etc, então, valeu super a pena). E o almoço foi numa churrascaria cujo nome é Chama Azul. Ambos os ambientes foram indicados pela agência.

Todos os locais que passamos em São Roque ofereciam a degustação de vinhos (geralmente dos tradicionais, bordôs e brancos; mas também de algumas outras bebidas, como licores) e, outros, tinham também de queijos e determinados tipos de doces.

De modo geral, eu fiquei encantada com o passeio. Além de ser uma viagem barata, dá para fazê-la em um dia. Então, vale a pena conhecer esse cantinho de São Paulo. 🍷

Me contem, vocês já foram para São Roque? Ficaram com vontade de conhecer?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!